Vide Bula

Na verdade, em várias situações a bula impressa não é necessária e pode ser substituída pela versão digital. Por exemplo, nos hospitais, onde o paciente não tem contato com a embalagem do produto. Por isso, o indicado é que, inicialmente, a bula em papel seja eliminada nas embalagens hospitalares e de compras governamentais, e nas amostras grátis, já que os profissionais de saúde, ao fornecê-las, orientam os pacientes quanto à posologia e efeitos colaterais.

< VOLTAR