Vide Bula

Não é seguro usar um remédio que vem sem a bula de papel

Na verdade, em várias situações a bula impressa não é necessária e pode ser substituída pela versão digital. Por exemplo, nos hospitais, onde o paciente não tem contato com a embalagem do produto. Por isso, o indicado é que, inicialmente, a bula em papel seja eliminada nas embalagens hospitalares e de compras governamentais, e nas […]

A adoção da bula digital ajuda a preservar o meio ambiente

Sim, além de fornecer informações sobre dosagem, posologia e validade dos medicamentos de forma mais rápida e inclusiva, a adoção da bula eletrônica reduz a produção de papel e o descarte de tinta e outros produtos químicos no meio ambiente.

A adoção da bula digital vai prejudicar o usuário de medicamentos

Na verdade, a adoção da bula digital no país representa um avanço em vários aspectos, tendo em vista as vantagens que oferece para consumidores, órgãos sanitários e setor farmacêutico em termos de qualidade da informação, rapidez de divulgação e simplificação de processos.

Sem a bula de papel, não vou saber tomar o meu remédio

Na verdade, a bula digital será mais detalhada e acessível do que a versão em papel. A versão digital permite atualização mais rápida e pode trazer diferentes tipos de conteúdo multimídia, como vídeos, áudios e gráficos, o que tornará mais fácil para as pessoas entenderem as prescrições.